sábado, 2 de abril de 2011

Grande evento será em Campos, diz jornal sobre os 50 anos de Gagarin

O Jornal Diário da Russia publicou ontem um artigo sobre as comemorações dos 50 anos do voo de Gagarin ao espaço. Segundo o jornal "No Brasil, o grande evento será em Campos RJ".
Leia o artigo:
"Jubileu do voo de Gagarin é festejado em todo o mundo"
 Estão programados para este mês de abril diversas festividades comemorativas dos 50 anos do primeiro voo tripulado ao espaço. Na Rússia, a data daquele voo, 12 de abril, passou a ser celebrada como Dia da Cosmonáutica e do Cosmonauta, e este ano suas celebrações terão mais destaque. Também no Brasil, eventos relacionados ao feito pioneiro de Yuri Gagarin vão mobilizar cientistas, estudantes, a mídia e o público em geral.
Entre os dias 21 e 23 de abril será realizado no Teatro Trianon, em Campos, RJ, o 4.º Encontro Internacional de Astronomia e Astronáutica, organizado pelo professor de Física Marcelo de Oliveira Souza, coordenador no Brasil dos Programas Internacionais de Ensino e Popularização da Astronomia e da Astronáutica. Tendo como parceiros a Mir Mídia e Consultoria Internacional (responsável pelo site Diário da Rússia e o programa radiofônico Voz da Rússia) e o Consulado Geral da Federação da Rússia no Rio de Janeiro, o Encontro conta ainda com o apoio de entidades internacionais, como a organização Astrônomos Sem Fronteiras, e nacionais, como o Instituto Federal Fluminense, a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima e a Prefeitura de Campos dos Goytacazes. O evento é aberto ao público, totalmente gratuito.
Confirmaram presença no Encontro o astronauta brasileiro Marcos Pontes e o americano Charles Duke, um dos astronautas que estiveram na Lua, e os cosmonautas russos Oleg Kotov e Pavel Vinogradov. Estarão também presentes cientistas de Brasil, Rússia, China, Índia, Irã, Romênia, Portugal, Estados Unidos, Japão, Colômbia, Venezuela e Uruguai. Os cosmonautas russos falarão de suas experiências e das comemorações que estão sendo realizadas na Rússia pelos 50 anos do primeiro voo espacial tripulado, realizado por Yuri Gagarin. Marcos Pontes, que foi tripulante da Estação Espacial Internacional, sob o comando de Pavel Vinogradov, vai falar também de suas experiências no espaço e do livro que está lançando sobre o assunto.
A vida de Gagarin será lembrada, como a do filho de camponeses que fez a maior de todas as viagens, saindo do campo para o espaço sideral.
Yuri Alekseievitch Gagarin nasceu em 9 de março de 1934 na pequena aldeia de Klushino, hoje Gagarin, na região de Smolensk, oeste da Rússia. Completou seus estudos de aviação em 1957, e em 1959 se inscreveu como candidato a cosmonauta, iniciando sua preparação num grupo formado por vinte jovens pilotos.
Dois anos depois, em 12 de abril de 1961, a bordo da nave Vostok 1, o então major da Força Aérea, Yuri Gagarin, entrou em órbita e tornou-se o primeiro homem a ver a Terra do espaço. “A Terra é azul!”, exclamou o cosmonauta de 27 anos.
Recebido como herói na volta à Terra, foi recebido com honras em 30 países, inclusive o Brasil, onde foi condecorado pelo então Presidente Jânio Quadros.
Yuri Gagarin morreu em 1968, juntamente com seu instrutor, num acidente durante um voo de treinamento num caça MiG, quando se preparava para cumprir mais uma missão espacial.

Fonte: 
Diário da Russia (http://www.diariodarussia.com.br/tecnologia/noticias/2011/04/01/jubileu-do-voo-de-gagarin-e-festejado-em-todo-o-mundo/) (1 abril 2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário