terça-feira, 22 de março de 2011

Segundo Chavez a vida em Marte pode ter acabado por causa do capitalismo.

Eu não resisti... ao ler essa reportagem no jornal "O Estado de SP" de hoje pensei duas vezes antes de publica-la aqui. Hugo Chavez sempre tira um coelhinho da cartola para nos fazer rir, mesmo de assuntos que nós nem imaginamos.

"Chavez diz que capitalismo pode ter acabado com vida em Marte"

O capitalismo pode ter sido o culpado pela falta de vida em Marte, disse nesta terça-feira, 22, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez. "Eu sempre digo, e ouço, que não seria estranho se tivesse existido uma civilização em Marte, mas talvez o capitalismo tenha chegado lá, o imperialismo chegou e acabou com o planeta", disse Chávez em discurso para marcar o Dia Mundial da Água.

Chávez, que também coloca no capitalismo a culpa por vários problemas do mundo, alertou que o abastecimento de água na Terra está acabando. "Cuidado! Aqui no planeta Terra, onde centenas de anos atrás ou menos havia grandes florestas, agora há desertos. Onde havia rios, há desertos", disse Chávez. Ele acrescentou que os ataques do Ocidente sobre a Líbia tinham como motivação fontes de água e reservas de petróleo.
O Conselho Nacional de Pesquisas dos EUA recomendou neste mês que a principal prioridade da Nasa deveria ser construir um robô que ajudasse a determinar se já houve vida em Marte e que revelasse o histórico climático e geológico do planeta. Esse também seria o primeiro passo num esforço para trazer de volta à Terra amostras de Marte. 

Fonte:
Estadão (http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,chavez-diz-que-capitalismo-por-ter-acabado-com-a-vida-em-marte,695684,0.htm) (22 março 2011).

Um comentário:

  1. Olá, Otávio!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!! O Hugo Chavez diz isso, mas, é para disfarçar a sua origem! Bem que eu suspeitava de o ter visto antes em outro lugar!
    Ora, para ter tanta certeza assim, não tem outra explicação, senão... "alô alô marciano"!!!!! KKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!!
    Um abraço!!!!!

    ResponderExcluir