quarta-feira, 1 de agosto de 2012

G1: Estudantes de Campos vão aos EUA para ver pouso de sonda em Marte

O portal de notícias G1, da Globo, publicou hoje uma reportagem sobre os estudantes do IFF que foram para a Convenção Anual da Mars Society e acompanharão a descida da sonda Curiosity no planeta vermelho. 
Três estudantes do Instituto Federal Fluminense de Campos, na Região Norte Fluminese, embarcam nesta quarta-feira (1º) para os Estados Unidos. Eles vão acompanhar a descida de uma sonda espacial em Marte.

Considerada a maior cidade da Região Norte, Campos também dá nome a uma região do "planeta vermelho".

A localização do município de Campos na Terra fica a -21º e 45 minutos e também em Marte. E é por causa desa semelhança na localização que uma cratera no "planeta vermelho" recebeu o nome da cidade campista.

"Como tem a latitude próxima eles colocaram o nome de Campos para essa cratera, então, Campos, agora, também está em Marte. Só há duas cidades brasileiras lá, e uma é Campos", disse Marcelo Oliveira, presidente do Clube de Astronomia de Campos.

A cratera foi batizada em 1976, e só pode ser vista por meio de fotos, enviadas por sondas espaciais. Os estudantes vão poder acompanhar nos próximos dias o momento que uma delas vai descer em Marte. Isso vai acontecer nos póximos dias, em uma conferência, no EUA..

"É uma grande experiência, muito gratificante, eu poder estar acompanhando isso tudo de perto, e espero que dê tudo certo, para que a gente possa estar realizando essa viagem", disse o estudante Lucas Freitas.

A missão
A sonda vai enviar um robô que vai exploar o terreno marciano: "A gente realmente que ir. A gente quer levar o nome da nossa cidade outra vez para lá, para estar no meio de pessoas importantes, para poder falar da nossa experiência e acompanhar o pouso da sonda em Marte", completou a estudante Monique Barreto.

A previsão é de que a sonda espacial desça em Marte entre domingo e segunda-feira da semana que vem.

Fonte: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário