quinta-feira, 18 de outubro de 2012

"Descoberta de planeta na estrela vizinha do Sol é a principal descoberta da década".

Essa declaração foi feita por Debra Fischer (da Yale University), uma das principais caçadoras de planetas. Tudo isso porque ontem (dia 17), os astrônomos descobriram um planeta rochoso, de quase mesma massa da Terra, na estrela mais próxima da Terra, a Alfa Centari! Embora esse planeta não esteja na "zona habitável", região hipotética dos sistemas estelares onde possa existir água líquida (e consequentemente possibilidade de vida), essa descoberta é classificada por alguns como a mais importante da década. Mas, por que?
ESO/L. Calcada

A maioria dos planetas rochosos descobertos não existem sozinhos. A sua formação leva a crer que existem mais planetas rochosos lá, existindo assim a possibilidade de encontrar algum na zona habitável de Alfa Centari.
Sendo assim, é empolgante saber que na estrela vizinha ao nosso Sol, na nossa varanda cósmica, a apenas 4,3 anos-luz, existe um planeta rochoso! E pensar que no começo da década de 1990, falar em exoplanetas era pura especulação.
Definitivamente estamos vivendo na época de ouro da astronomia. Temos os telescópios mais potentes abertos para vários países, temos projetos de telescópios com dezenas de metros de espelho, radiotelescópios que chegam aos kilometros! Sem contar numa base humana permanente na nossa órbita, e um sentimento de cooperação científica nunca vista antes.
Os novos dados vindos do sistema estelar Alfa Centauri serão ansiosamente aguardados. Podemos encontrar o que estamos procurando a séculos em um lugar ridiculamente próximo de nós!
Leia mais em: Planeta é encontrado na estrela mais próxima da Terra.

Um comentário:

  1. devia ter mais saites com satelites para que quem nao tem com ir ao planetario ver pela internet com eu aqui nao tem planetario e para min ver

    ResponderExcluir